“SUBMUNDO” por Gilda Pereira de Souza

08 - Poema "SUBMUNDO" por Gilda Pereira de Souza - Pílulas de Poesia

Pílulas de Poesia trazem para você…

Poema “SUBMUNDO” por Gilda Pereira de Souza, conheça a partícula da alma desta poetisa, que será compartilhada mensalmente com todos nossos leitores.

SUBMUNDO

Em meio a tanta covardia
Tornando-nos por vezes
Seres totalmente hipócritas

Fingimos não ver
Para não sofrer
Fingimos não escutar
Para não ajudar

E assim caminhamos
Capengando, capengando

Nos fazendo de surdo
Nos fazendo de mudo
E o pior de tudo
Tentando tapar os
Olhos do mundo.

por Gilda Pereira de Souza

Acompanhe suas publicações nas Pílulas de Poesia em:
https://blog.smdp.com.br/tag/gilda-pereira-de-souza

Quem é Gilda Pereira de Souza?

Gilda Pereira de Souza iniciou-se no ano 2000 na arte com a chega da poesia em sua vida, onde impulsionada pelas pessoas ao seu redor que elogiavam suas primeiras escritas, buscou voltar a estudar.
“Não sou uma poeta que escreve quando quer e sim quando a poesia vem”

Veja sua biografia através deste link:
https://smdp.com.br/bio/gilda-pereira-de-souza

Ou acesse e assista suas apresentações no Café com Poesia
https://www.youtube.com/playlist?list=PLY0gqsQcfp0cmN9t5HMpffQYIx2akGm-0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *