“OPÇÕES” por Alexandre Jazara

10 - Poema "OPÇÕES" por Alexandre Jazara - Pílulas de Poesia

Pílulas de Poesia trazem para você…

Poema “OPÇÕES” por Alexandre Jazara, conheça a partícula da alma deste poeta, que será compartilhada mensalmente com todos nossos leitores.

OPÇÕES

A infelicidade se dá
em formas não pensadas
em trilhas já traçadas
e nas que foram deixadas.

A felicidade se dá
nos acertos e aprendizados
nos caminhos tortos ou enrolados
em um sorriso ou em uma lágrima.

Mas somos felizes em ser infelizes
Ou infelizes somos por sermos felizes?Quem pode dizer o sim e o não,
quem pode iluminar ou apagar um coração?

Quando mais se sabe,
quanto mais se vê,
quanto mais aprende,
mais opções a crescer.

Mas ter opções
é uma das negativas emoções,
pois não se sabe o que quer,
não por não saber,
mas por ter muito o que escolher.

Quanto são felizes os que não sabem,
de todas as opções que lhe cabem,
e do simples ato de fazer,
de não ter o que escolher.

Quanto infeliz são os que escolhem,
uma angústia que toma conta,
envenena e corre a alma,
na escolha de uma cor ou de uma calda.

Mas os felizes ficam infelizes,
por pensarem em suas poucas escolhas,
nos limites que tem para si,
imaginando-se feliz com mais escolhas.

Os infelizes são felizes,
em ter opções e ter escolhas,
em apontar a vela de seu barco,
e seguir ao desejo de sua opção.

Mas afinal o que é ser feliz,
palavra curta e variável,
que muda com o tempo,
envelhecendo e morrendo.

Ser livre é ser feliz?
Ser limitado é ser infeliz?
Não ser o que que quer é bom?
Não ter o que espera é ruim?

Mas dirão sobre o equilíbrio,
mas quem o tem?
Nem quando criança,
Tão pouco adulto também.

Há uma paz momentânea,
efêmera que se acaba em horas,
criando um vazio,
secando no coração seu rio.

Há quem consiga desligar isto?
Há quem possa ser feliz sem pensar?
Há quem nem por um instante hesite?
Há quem se possa estudar?

Criamos laços por dependência?
Ou nos entrelaçamos por opção?
Existe egoísmo cego?
A cego sem razão?

Quanto você pode escolher?
Quanto feliz é você?
Quanta infelicidade sente?
Se sente é por opção?

Nem um Deus pode acalmar um coração,
tão pouco sua falta elimina esta sensação,
no desespero em se apegar a algo,
seus conceitos são jogados para o alto.

Por que ter opção?
Por que não ter?
Você dá alguma opção?
Você nega este ser?

Opção
é vida…
é morte…
é alegria…
é sorte…
é tristeza…
é má sorte.

26-06-2019 – 12:07

por Alexandre Jazara

acompanhe suas publicações nas Pílulas de Poesia em:
https://blog.smdp.com.br/tag/alexandre-jazara

Quem é Alexandre Jazara?

Alexandre Jazara de Oliveira Jasa, nascido em 23 de maio de 1984 em São Paulo – SP, desde pequeno já mostrava interesse nas mais diversas formas de arte. Aprendeu seus primeiros traços com seu pai, que o influenciaria na arte da escrita. Este amor pela arte estendeu-se pela música e suas variantes.

Veja sua biografia através deste link:
https://smdp.com.br/bio/alexandre-jazara

Ou acesse e assista suas apresentações no Café com Poesia
https://www.youtube.com/playlist?list=PLY0gqsQcfp0dY7Xy1noQdHXGEKhL38Nzi

Quem é a SMDP?

A SMDP – Sociedade Mundial dos Poetas, é uma entidade digital, que busca unir, entidades culturais e artes, com os mundos digitais e físicos. Desejamos valorizar e ampliar a boa cultura em seus mais diversos formatos e sabores.

Convidamos a você e seus amigos à…

Siga, assine, inscreva-se, curta e compartilhe

Twitter: https://twitter.com/smdp_oficial
Facebook: https://facebook.com/sociedademundialdospoetas
Youtube: https://youtube.com/sociedademundialdospoetas
Pinterest: https://br.pinterest.com/smdpoficial
Instagram: https://www.instagram.com/sociedademundialdospoetas
SMDP: https://smdp.com.br
Café com Poesia:
https://cafecompoesia.com.br
https://blog.cafecompoesia.com.br
https://youtube.com/cafecompoesia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *